Fotografo: Divulgação
...
Policlinica

Nos próximos 25 dias pelo menos seis unidades de saúde serão entregues para a população de Cuiabá. A Unidade Básica de Saúde (UBS) Residencial Santa Terezinha/Itapajé será a primeira desta leva, com inauguração prevista ainda para esta semana. 
 
Em seguida será entregue o Centro de Saúde do Novo Terceiro, que está passando por uma reforma e ampliação, para oferecer mais conforto e mais qualidade nos serviços para os pacientes. Também serão entregues nos próximos dias a reforma e ampliação do PSF Despraiado e Centro de Saúde do Grande Terceiro.
 
PUBLICIDADE
 
Até o fim deste mês a UPA Verdão, uma das obras mais esperadas pela população também começará a funcionar, com uma capacidade de atendimento de cerca de 12 mil pessoas por mês, o que vai ajudar a desafogar as outras UPAs e Policlínicas. 
 
E para fechar este ciclo de inaugurações, até a metade do mês de novembro, o prefeito Emanuel Pinheiro entregará a última etapa do Hospital Municipal de Cuiabá – HMC, que passará a funcionar com 100% da sua capacidade, passando a atender também como Pronto Socorro. 
 
Depois do HMC, a outra grande obra prevista para ser entregue, em abril de 2020, é a UPA Leblon. “Estamos focados nas inaugurações de unidades mais urgentes, mas a obra da UPA Leblon, apesar de estar andando mais lentamente, não está parada. Nesta segunda-feira (21/10) a Secretaria Municipal de Saúde recebeu um pedido de aditivo para esta obra, por parte da empresa responsável pela construção da unidade”, revelou o secretário Luiz Antonio Pôssas de Carvalho. De acordo com ele, o pedido já foi encaminhado para a Diretoria Espacial de Licitações e Contratos – DELC para a confecção do aditivo e posterior assinatura. 
 
“A saúde pública está melhorando. Ainda não chegamos ao que a população cuiabana merece, mas vamos chegar lá, se Deus quiser, até dezembro de 2020, no final desta gestão. Até lá teremos muitas novidades, vamos fazer a diferença na saúde pública. Muita coisa já foi feita. Melhoramos muito a questão da falta de medicamentos e insumos, tiramos todo mundo que estava amontoado nos corredores do Pronto Socorro, algo que não era visto há décadas naquela unidade. Depois que o HMC for entregue 100%, a Secretaria Municipal de Saúde se voltará completamente para a Atenção Básica. Estaremos preparando e implementando um novo modelo de saúde preventiva para a população. Até o fim deste mandato teremos pelo menos mais 20 unidades reformadas e ampliadas, com a parte odontológica em todas elas”, finalizou o secretário