Fotografo: Divulgação
...
Guarda Municipal da VG.

Á parceria entre as Secretarias de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana, e que tem como secretário o Breno Gomes. E na Guarda Municipal que tem como o comandante Homero e os seus agentes.

Neste sábado dia 02 de novembro de 2019, em que se tem um feriado chamado o Dia de Finado, á onde os familiares das pessoas que partiram para a outra vida, tem á visita dos seus entes queridos neste dia, levando consigo: Flores, Velas, Orações, e muito afeto e carinhos aos seus entes queridos. E que fizeram tudo que poderiam ter feito nos 13 Cemitérios da nossa Cidade de VG. Como; Carpinagem, Pintura do meio fio, retirada das velas usadas no ano passado, iluminação, limpeza dos jazigos, água nas caixas, e ás flores deixadas nas sepulturas, todas foram recolhidas, para deixar tudo bem limpo e organizado, para receber as visitas dos seus entes queridos neste sábado o dia de finado. Tudo isso na parte interna do Cemitério Central e nos demais da região.

Na parte externa do Cemitério, deixamos á cargo como foi programado e Combinado, para a Guarda Municipal (GM), sob á batuta do “Comandante Homero” e os seus agentes, que fizeram um serviço show de bola. Em termo de organização do Transito ao redor dos Cemitérios da Cidade.

O que muitas pessoas não gostaram na Avenida Alzira Santana, em frente á Matelli Alimentos e Hot Dog & Cia, é que não se podia para um minuto, que á Guarda Municipal já vinha com  o Bloquinho de Multa, e a Caneta AZUL, E já Multavam, anotando á Placa do Veículo. Sem ao menos conversar com os motoristas. Que ficaram muito chateados. Mais o resto foi tudo bem.

Parabéns á Guarda Municipal, que realizaram um ótimo trabalho e a organização do Transito nesse Dia de Finado em Várzea Grande.

Queremos na oportunidade, parabenizar á prefeita Lucimar Campos, o secretário Breno Gomes, o comandante da Guarda Municipal Homero e seus agentes, pelo brilhante trabalho nesse dia de finado em nossa cidade. E sem nenhum acidente ou incidente. Tudo correu bem.

Só pra ressaltar, é que o calor estava de mais, chegando aos 40 graus, á onde muitas pessoas aclamavam pela chuva que não veio, e o sol de 40 graus, que bateu duro na cabeça das pessoas, que por sinal tomaram muita água, para se refrescar, e para fugir desse dia de muito calor no interior do Cemitério Central, e nos outros bairros, e que se encerrou ás visitas ás 18 horas. E Que dia quente gente. Meu Deus do Céu. Mais valeu á pena. Parabéns á todos pela belíssima organização. É por ai.

Fonte: Campos Filho